terça-feira, 30 de julho de 2013


Uma boca impura
Agora se cala
Um olhar cruel
Agora se apaga
Umas mãos morosas
Agora se detém
Uma voz desprezível
Agora se silente
Uma vida frívola
Agora jaze em meus braços.

By Ana Aratfenien - 30/07/2013

0 comentários:

Postar um comentário

Poll

Lorem Ipsum

Total Pageviews

Tecnologia do Blogger.

About Me

About Me

Ocorreu um erro neste gadget

Popular Posts