segunda-feira, 9 de novembro de 2009



(Re)Volta


Sombras desta escuridão implacável
Sombras que me perseguem pela noite
Me permitam um momento de solidão eterna
Me tirem da angustia e amargura.

Sentimento profundo que me acompanha
Sentimento de dor que me aprisiona
Não me permita ouvir choro de anjos novamente
Me de um momento de abandono eterno
Me faça esquecer a angustia e amargura

Pulsos que entoam minha agonia pelo corpo
Veias que carregam o veneno de minha febre
Permitam que meus ventos soprem as velas
Deixem que a luz dessa sobrevida se apague
Levem paras as trevas a angustia e amargura

Pés que procuram caminhos solventes
Mãos que pintam abstratos de loucura e pó
Tirem de mim as imagens de meu torso contorcido
Atrofiado pela imobilidade de minhas vontades
Cubram de cores escuras a angustia e amargura

Corpos que vagam sem perdão pela terra da morte
Bocas seladas pelo pavor dos deuses
Afugentem minha alma de meu corpo
Dilacerem meu peito em segundos
Acabem com o bater de um coração já inerte e sem vida.

Hades, Seol e Infernus
Realize-se a tua vontade em minha vida
Domem meus pensamentos e aprisionem meu corpo
Levem-me para as profundezas deste abismo
Me permitam sentir o sabor de teu fel.

Tinjam-me com o líquido negro que sai de teus olhos
Tragam-me a tão esperada paz em meio a teus tormentos
Digam-me palavras perdidas, eternas e mastigáveis
Me permitam sentir o que sou, dentro do que nunca quis
Me levem de volta ao inferno de onde nunca deveria ter saído.

Por M.D. Amado e Ana Carolina Giorgion

4 comentários:

georgette silen disse...

"Mãos que pintam abstratos de loucura e pó"
Maravilha de pensamento...
ana, continue assim menina.... to feliz com seu crescimento poético, com certeza.
Bjs
Georgette

Vera Celms disse...

Ana... e M.D.Amado!!! Parabéns... lirismo e poética máxima... amei!!!
Aninha... como sabes... sou tua fã... beijos ricos de lirismo... fui contagiada... saudade do seu trabalho... fazes falta...

M. D. Amado disse...

Obrigado Vera... Fica fácil escrever qdo a parceira tem um talento como esse :-)

Juliana Silva disse...

Talento é uma das palavras que te define!! Mas não basta só isso.. tbm é preciso sensibilidade.. isso, vc e seu parceiro tiveram. Poesias que tocam o coração do leitor, nem dá vontade de parar de ler..rs

Bjão! Te amo amiga..

Postar um comentário

Poll

Lorem Ipsum

Total Pageviews

Tecnologia do Blogger.

About Me

About Me

Ocorreu um erro neste gadget

Popular Posts